em Inbound Marketing
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 Google+ 0 0 Flares ×

O Inbound Marketing é uma das principais tendências de Marketing Digital. Além de ser, em média, 62% mais barato do que o Marketing convencional, ele permite que a marca se posicione como referência nos assuntos voltados a seu segmento e garanta uma geração recorrente de leads mais qualificados.

Por esse motivo, muitas empresas estão investindo em Inbound Marketing. Essa estratégia é composta pelo conjunto de ações que a empresa vai realizar para cada etapa de seu Funil de Vendas, fazendo os visitantes avançarem até concretizar a compra.

Quer saber mais sobre o assunto? Então veja a seguir como planejar uma estratégia de Inbound Marketing eficiente!

Os 10 principais pontos de uma boa estratégia de Inbound Marketing

Para ter uma boa estratégia e conseguir atrair, nutrir e qualificar os leads, não pode faltar no seu planejamento:

1. Conteúdo frequente e relevante

No Inbound Marketing, o conteúdo relevante é o que vai tanto chamar a atenção dos consumidores para a marca quanto consolidá-la entre os clientes. Sendo assim, ele é baseado na atração e manutenção do interesse das pessoas pelo universo daquela marca.

E isso só acontece quando você conhece o seu público e oferece o conteúdo que ele realmente procura.

Assim, a produção deve ser frequente, a fim de cobrir pautas diversificadas e aproveitar as oportunidades de aparecer nos resultados de busca no Google.

2. Utilizar uma plataforma de automação de marketing

As plataformas de automação de marketing são essenciais para a implementação das estratégias de Inbound, pois facilitam a execução das etapas  do funil e tornam o processo mais ágil e organizado. Além disso potencializam o alcance e a eficácia da metodologia, o que representa uma grande economia de tempo e dinheiro, caso o processo fosse feito manualmente.

3. Ofertas ricas para gerar leads

Enquanto no Marketing tradicional a principal métrica de um site é a quantidade de visitantes, uma vantagem do Inbound é não deixar seu visitante ir embora sem que você saiba quem ele é e como alcançá-lo.

A principal técnica para obter informações de contato de seus visitantes e convertê-los em leads é ter uma oferta rica e gratuita. A oferta é uma ótima estratégia para identificar quais os visitantes estão interessados o suficiente para fornecer informações de contato.

4. Remarketing

O remarketing permite que seu site tenha uma “segunda chance” com visitantes que inicialmente não se interessaram pelo seu conteúdo, mas que poderiam se interessar por outro artigo do seu blog.

Usando o remarketing, é possível, posteriormente, oferecer a ele um novo conteúdo, promovendo seu retorno.

5. Nutrição de leads

Os leads chegam em estágios diferentes de interesse. É muito comum que, ao baixar a primeira oferta rica, eles não estejam prontos para realizar uma compra. A nutrição de leads, geralmente por e-mail, é a oportunidade que a sua marca tem de trazer novos conteúdos, despertar mais interesse e avançar o lead pelo funil de Marketing.

Além disso, nem sempre os leads possuem o perfil ideal para se tornarem clientes. A nutrição também permite que a marca se mantenha próxima desses leads, que podem mudar de perfil, tornando-se qualificados.

6. Uma boa newsletter

A newsletter é uma ótima ferramenta para manter os leads atualizados. Seja enviando ofertas ou conteúdo, é importante mostrar aos seus potenciais clientes que estar nessa lista de contatos irá trazer benefícios.

Uma dica importante para atrair cadastros é fazer envios exclusivos para assinantes, que podem conter desde promoções especiais a conteúdo inédito. Seja criativo!

7. E-mail marketing

Uma das técnicas de marketing mais antiga é o e-mail marketing. Porém, ainda é uma das mais eficazes. Algumas empresas não gostam muito de utilizar essa técnica por acharem que pode entediar seus clientes, mas não pense assim.

No Inbound Marketing, o e-mail marketing pode servir para passar conhecimento aos leads, tirar dúvidas, enviar conteúdo e ofertas, assim como a newsletter.

Uma boa dica é segmentar sua lista de e-mail, de acordo com o estágio dos leads no funil de vendas. Assim, você poderá enviar o conteúdo certo para a pessoa certa no momento certo, potencializando suas ações e melhorando a taxa de conversão.

8. Presença nas redes sociais

Hoje, as redes sociais são importantes ferramentas para as empresas. Apesar de muitas pessoas as utilizarem como entretenimento, o mundo dos negócios enxergou as oportunidades geradas e tem explorado cada vez mais suas possibilidades.

As redes são ótimas, por exemplo, para criar campanhas de alto alcance, direcionar seus posts para um determinado nicho de mercado, acompanhar a receptividade dos seus produtos com o público e buscar novos leads.

Você também pode utilizá-las para postar seus conteúdos e incentivar o compartilhamento, melhorando o engajamento do público e buscando maior alcance, de forma rápida e barata. Porém, não basta criar um perfil no Facebook, Instagram ou Twitter e enchê-los de postagens. É preciso estar atento e acompanhá-los regularmente!

9. Contato com os influenciadores digitais

O foco da estratégia de Inbound Marketing é promover os conteúdos, espalhando conhecimento e avançando os estágios de compra dos leads. Então, para isso, é muito importante que você considere e mantenha um bom relacionamento com os influenciadores digitais.

Eles são aquelas pessoas reconhecidas, com um grande número de seguidores; possuem um canal ou perfil nas redes sociais com frequente atualização, utilizando vídeos e discussões sobre temas diversos.

Para promover seus conteúdos, converse com esses influenciadores, mostre seu projeto e os incentive a abrir uma discussão sobre o tema trabalhado. Assim, o engajamento do público será bem maior, além de gerar uma maior credibilidade para a marca.

10. Análise de dados

A estratégia de Inbound Marketing também se destaca pelas amplas possibilidades de análise. Uma métrica importante a se observar é a taxa de conversão nas diferentes etapas do funil, ou seja, qual o percentual de visitantes que se converte em leads, o percentual de leads qualificados e dos que se tornam, de fato, clientes.

Novamente, as taxas podem ser analisadas por canal, para identificar quais têm melhor aproveitamento.

As vantagens de uma estratégia de Inbound Marketing

O objetivo da estratégia de Inbound Marketing é atrair, nutrir e qualificar os leads, fazendo com que eles avancem nos estágios do funil de vendas, até que concretizem uma compra.

Quando bem feita, ela te deixa em mãos um público fiel e exclusivo, que se preocupa em manter uma relação com a marca e, consequentemente, ajuda a consolidá-la no mercado. Dessa forma, o aumento das vendas e da lucratividade do negócio nada mais será do que um resultado natural.

Esperamos que estas dicas o ajudem a implementar o Inbound Marketing na sua empresa. Quer receber mais dicas como estas? Cadastre-se na nossa newsletter.

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Contate-nos

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

plataforma-automacao-marketingMarketing de influência: vale investir nessa estratégia?